Brasileiro: Bahia goleia Fortaleza e pode se garantir hoje

136
Foto: Felipe Santana / EC Bahia

Com vitória, baianos ultrapassam Leão do Pici na tabela

No clássico dos tricolores nordestinos, no sábado, 20/2, à noite, na Arena Castelão, o Bahia levou a melhor. O Esquadrão de Aço superou o Leão do Pici por 4 a 0. Apesar da vitória, o fantasma do rebaixamento ainda não está exorcizado para os comandados de Dado Cavalcanti que ocupam o 15º lugar da tabela com 41 pontos. Com a mesma pontuação e uma vitória a menos no campeonato, a equipe do treinador Enderson Moreira vem logo atrás na 16ª posição, primeiro time fora do Z-4. Se Goiás nem Vasco da Gama venceram Bragantino, em Goiânia, e Corinthians, em São Paulo, respectivamente, o Bahia se garante no Brasileiro em 2022.

O Bahia abriu o marcador logo aos 6 minutos. O lateral Nino Paraíba avançou pela direita e cruzou na medida para Rodriguinho, de cabeça, deslocar o goleiro Felipe Alves e mandar a bola para as redes. O Fortaleza reagiu, mas o zagueiro Paulão dentro da pequena área jogou a chance do empate na trave.

Na segunda etapa, o time baiano repetiu a jogada. Nino cruzou e Rodriguinho, de cabeça, novamente marcou aos 16. Dois minutos depois, Rossi foi puxado dentro da grande área. Pênalti que Rodriguinho cobrou. O goleiro Felipe Alves chegou a defender, mas o camisa 10 aproveitou o rebote para selar o hat-trick. Aos 33, nova penalidade para o Bahia, dessa vez Rossi cobrou para fechar a goleada no Castelão.

Na última rodada do Brasileirão (38ª), o Fortaleza vai ao Maracanã enfrentar o Fluminense, enquanto o Bahia recebe o Santos na Fonte Nova. Todos os jogos irão ocorrer, às 21h30, na próxima quinta, 25.

Ficha Técnica

Estádio: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)

Data: 20 de fevereiro de 2020, às 21h

Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (Fifa-SP)

Assistentes: Danilo Ricardo Simon Manis (Fifa-SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (CBF-SP)

Árbitro de vídeo: Marcio Henrique de Gois (CBF-SP)

Cartões amarelos: Luiz Henrique, Mariano Vázquez e Gabriel Dias (FOR) / Matheus Bahia e Ronaldo (BAH)

Cartões vermelhos: Felipe (FOR)

GOLS: Rodriguinho, 8’/1ºT (1-0); Rodriguinho, 20’/2ºT (2-0); Rodriguinho, 16’/2ºT (3-0); Rossi, 34’/2ºT (4-0).

Fortaleza: Felipe Alves; Gabriel Dias (Tinga, aos 25’/2ºT), Quintero, Paulão e Bruno Melo; Juninho, Felipe e Luiz Henrique (Mariano Vázquez, aos 15’/2ºT); Romarinho (Osvaldo, aos 15’/2ºT), Wellington Paulista (Ronald, aos 25’/2ºT) e David (Bergson, aos 31’/2ºT). Técnico: Enderson Moreira.

Bahia: Douglas; Nino Paraíba, Ernando (Juninho, aos 41’/2ºT), Lucas Fonseca e Matheus Bahia; Ronaldo, Patrick e Gregore; Rossi (Thiago Andrade, aos 36’/2ºT), Rodriguinho (Juninho Capixaba, aos 43’/2ºT) e Gilberto (Gabriel Novaes, no intervalo; Daniel, aos 41’/2ºT). Técnico: Dado Cavalcanti.