Brasileiro: Bahia vence o Coritiba de virada

113

Tricolor de Aço abre 8 pontos para a zona de rebaixamento

O Bahia alcançou a quarta vitória seguida na temporada. O Tricolor de Aço bateu o Coritiba por 2 a 1, de virada, nesta segunda-feira, 16/11, no estádio Couto Pereira, em Curitiba, pela 21ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. O time baiano foi a 28 pontos, permanecendo na 9ª colocação, mas abrindo 9 para a zona de rebaixamento – que é encabeçada pelo Coxa, 17º, com 20 pontos.

As equipes foram a campo desfalcadas. No Coritiba, foram nada menos que nove ausências por casos do novo coronavírus (covid-19) no elenco. Já no Bahia, além dos laterais Juninho Capixaba (suspenso) e João Pedro e do zagueiro Ernando (ambos contundidos), o meia Elias reclamou de dores na coxa e foi vetado de última hora pelo departamento médico.

Apesar dos vários desfalques, o Coritiba foi melhor no primeiro tempo. Aos três minutos, o lateral William Matheus cruzou pela esquerda e o meia Giovanni Augusto, antecipando-se na área, colocou o Coxa em vantagem. Cinco minutos depois, em novo lance envolvendo William Matheus e Giovanni Augusto e iniciado pela esquerda, o volante Mateus Sales quase ampliou. O Bahia assustou duas vezes – primeiro em chute cruzado do atacante Élber, depois em cabeçada do também atacante Fessin.

Os alviverdes até balançaram a rede novamente, aos 35 minutos, outra vez com Giovanni Augusto. A arbitragem de vídeo (VAR), porém, viu toque de mão do atacante Neílton no lance, o que invalidou o gol. Por ironia, o Tricolor de Aço empatou na jogada seguinte: Élber escapou da marcação na grande área e bateu no canto do goleiro Wilson.

O jogo seguiu agitado no segundo tempo. Aos 15 minutos, após cruzamento de Fessin, o volante Ronaldo cabeceou por cima da meta alviverde. No minuto segunte, Neílton obrigou o goleiro Douglas Friedrich a uma grande defesa. Aos 23, os atacantes Rodrigo Muniz e Robson perderam o segundo gol no mesmo lance. A punição veio três minutos depois. O lateral Zeca cruzou pela esquerda, a bola passou por toda a área e foi direto para o gol, decretando a virada do Bahia. O jogador não atuava há dois meses, devido ao falecimento da mãe, Lucimara, que completaria 46 anos na terça-feira, 17.

Na próxima rodada, as equipes atuam fora de casa. O Bahia vai a Bragança Paulista (SP) enfrentar o Bragantino na sexta-feira, 20, às 20h (horário de Brasília). Já no sábado, 21, às 19h, o Coritiba visita o Flamengo no Maracanã.

Fonte: Agência Brasil