Morre Genival Lacerda

5
Cantor e compositor Genival Lacerda / Foto: Arquivo

O cantor Genival Lacerda, de 89 anos de idade, morreu por complicações da covid-19, doença causada pelo novo coronavírus na manhã desta quinta-feira, 7/1. Ele estava internado na UTI desde o dia 30 de novembro e, segundo recentes comunicados da assessoria de imprensa dele, o estado era grave e ele respirava com a ajuda de aparelhos.

Com mensagem breve no Instagram, o filho do cantor, Genival Lacerda Filho, revelou a informação no começo da manhã desta quinta-feira, 7. “Painho faleceu”, disse em nos stories.

O cantor e compositor nasceu em Campina Grande, na Paraíba, em 5 de abril de 1931. Chegou a trabalhar na cidade como radialista, mas fez a primeira gravação como cantor quando já morava em Recife, para onde se mudou em 1953.

Em 1964, se mudou para o Rio de Janeiro. A consagração nacional veio com “Severina Xique Xique”, de 1975. O refrão “Ele tá de olho é na butique dela” virou marca.

Em seguida, vieram sucessos como “Radinho de pilha”, “Mate o véio” e “De quem é esse jegue”, que consolidaram o estilo bem-humorado do “Seu Vavá”, como também era conhecido.

O músico viveu no Rio de Janeiro durante o auge da popularidade do forró no Sudeste, e conviveu com outros artistas fundamentais do estilo como Dominguinhos e Luiz Gonzaga.